[Concluindo, posso dizer...]

[PÁGINA INICIAL]



A marcha

É breve estar aqui
É longo se não encontrar
O caminho
Se não deixar uns porquês 
Que cativam

Se a dor chegar 
É só mirar o sol
No fim dele o teu andar termina

À noite, a noite pega a tua dor
E o teu sono vira sonho
De manhã tem uma nova manhã pra caminhar
De novo

Nenhum comentário:

Postar um comentário